Quem trabalha com obras acompanha de perto à demolição de casas, prédios e lojas.

E nessas demolições sempre tem material que interessa como: madeira de lei, telhas, portas, janelas, rodapés de Ipê, Box, vidros temperados, lustres, lâmpadas, material elétrico e outros.

O interessante é que esses materiais são lucrativos para quem compra e vende; eu mesmo já comprei duas cadeiras de ferro antigas em um antiquário e não me arrependo. Outro dia também comprei um azulejo antigo pintado à mão.

Conclusão: O mercado de material de demolição é lucrativo para quem compra e vende antigüidades.

Amigo leitor você já comprou ou vendeu material de demolição?